Vazamento depois do enxerto de gordura no bumbum por mais de uma semana, o que fazer?

Quando ocorre algum tipo de vazamento depois do enxerto de gordura dos glúteos pela incisão, onde é apresentando certa oleosidade, há indícios de que a gordura pode ter se liquefazendo.

Durante o enxerto é coletada gordura de outras regiões do corpo da paciente através da lipoaspiração.

Depois é realizada a aplicação dessa gordura na região dos glúteos, entre as células para mantê-la viva.

Geralmente o vazamento significa que as essas células de gordura necrosaram, e não sobreviveram ao enxerto.

Provavelmente não se trata de infecção, porém é recomendável colher uma amostra para ser avaliado no laboratório.

A paciente deve entrar em contato com o cirurgião plástico e relatar a ele o que está acontecendo.

Se persistir o vazamento depois do enxerto de gordura, consulte o seu cirurgião para examinar e solicitar os exames necessários.

Deve-se manter a situação sob controle, descartando de princípio alguma infecção ou problema mais sério.

Por isso a paciente deve procurar seu cirurgião plástico sem mais demora, que irá orientá-la.

Apenas ele pode ajudá-la com o vazamento depois do enxerto de gordura antes que se torne mais sério e vire algo pior.

Como recomendação final, sempre prefira cirurgiões da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, isso ajuda a minimizar os riscos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *